Homens são presos após retirarem encomendas na central de distribuição dos correios apresentando documentação falsa
08/06/2018 09:27 em Regional

 

 Na tarde da última quarta-feira policiais militares compareceram a central de distribuição dos Correios de Andradas localizado no Jardim Mantiqueira onde uma funcionária informou que um golpe envolvendo extravio de encomendas vem sendo aplicado em todo o Estado. 

De acordo com o Boletim de Ocorrência, o golpe consiste em interceptar o entregador ou o carteiro e receber, mediante falsificação de documentos, as encomendas no lugar do destinatário. 

E na última terça-feira (05) carteiros tentaram entregar encomendas na empresa Ouro Verde, mas não conseguiram porque funcionários desconheciam a origem dos produtos enviados, e que não foram eles responsáveis pelo pedido. 

Os carteiros então retornaram a central de distribuição para devolver ao lugar de origem aquilo que foi enviado. Porém, no dia seguinte, quarta-feira (06), um homem telefonou para os correios dizendo que iria buscar estas encomendas devolvidas. 

No local ele e um comparsa apresentaram documentação falsa para retirar as mercadorias. Desconfiada que poderia ser um golpe a funcionária acionou a Polícia Militar que, de posse das características dos autores, conseguiram localiza-los com os materiais. 

Ainda de acordo com o Boletim de Ocorrência durante a abordagem comprovou-se que a documentação apresentada por eles havia sido falsificada, pois o proprietário da empresa a qual a mercadoria havia sido enviada anteriormente não reconheceu os homens como seus funcionários e nem a assinatura que estava na falsa documentação. 

Os dois autores, um de 34 e outro de 38 anos, foram presos em flagrante e apresentados ao plantão de polícia civil.

Ainda segundo a funcionária dos Correios, o mesmo golpe já havia sido aplicado há aproximadamente quatro meses, quando dois homens receberam uma encomenda de aparelhos celulares destinada à empresa Kohler. 

Na ocasião, a Kohler também não reconheceu o nome, o RG e a assinatura do recebimento como de empregado da empresa, que ficou no prejuízo e abriu uma reclamação por não ter recebido a encomenda.

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!